Domingo, 23 de Janeiro de 2022
27°

Pancada de chuva

Jequié - BA

Saúde Ceará

Sesa, Aprece e Cosems realizam ciclo de debates com Regiões de Saúde do Ceará

Ce A primeira reunião foi realizada em Quixeramobim, englobando as Regiões de Saúde do Sertão Central e do Litoral Leste/Jaguaribe A Secretaria da ...

30/11/2021 às 09h00
Por: Redação Fonte: Secom Ceará
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Ceará
Foto: Reprodução/Secom Ceará

Foto: Reprodução/Secom Ceará
Foto: Reprodução/Secom Ceará

A primeira reunião foi realizada em Quixeramobim, englobando as Regiões de Saúde do Sertão Central e do Litoral Leste/Jaguaribe

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Ceará (Cosems-CE) iniciaram, nessa segunda-feira (29), o ciclo de encontros com as Superintendências Regionais de Saúde para impulsionar o programa Plantão Cirurgias 24h e para discutir o planejamento dos Hospitais de Pequeno Porte (HPPs).

A primeira reunião foi realizada em Quixeramobim, englobando as Regiões de Saúde do Sertão Central e do Litoral Leste/Jaguaribe, e contou com as presenças do secretário da Saúde, Marcos Gadelha, do presidente da Aprece, Júnior Castro, da presidente do Cosems-CE, Sayonara Cidade, e de prefeitos e secretários municipais de Saúde.

Nos próximos dias 1º e 2 de dezembro, os encontros acontecerão em São Benedito, na Região de Saúde Norte, na Capital do Estado, para a Região de Saúde de Fortaleza, e na cidade do Crato, contemplando a Região de Saúde do Cariri.

Ao explicar o papel dos hospitais de pequeno porte nas redes de saúde pública, Marcos Gadelha enfatizou a integração entre os entes federal, estadual e municipal. “A política da saúde descentralizada foi construída a várias mãos, com a ajuda do Cosems, da Aprece e de todos os atores que compõem a Saúde do Ceará. Nesse modelo federativo que é a saúde do Brasil, a gente não consegue construir nada sozinho. Dessa forma, o primeiro aprendizado que eu tive em todos esses anos na Secretaria, é que o secretário precisa conversar muito, ouvir muito e se articular muito com esses atores”, disse.

O gestor estadual também destacou a relevância da articulação dos atores da saúde para o melhor funcionamento assistencial em níveis regionais. “É importante contextualizar o processo de regionalização da saúde. Não é possível nenhum município dar acesso a todas as necessidades assistenciais que sua população precisa. Isso só é possível por meio de uma rede, coordenada pela Secretaria Estadual. Esse é o papel principal papel dela, juntar os atores da região e pactuar as ações, para darmos acesso desde o nível primário até o nível terciário da atenção”.

O presidente da Aprece, Júnior Castro, comentou sobre a iniciativa de levar o debate de temas importantes para as localidades. “Quero agradecer pela parceria da Sesa. Quando o secretário vem até as regiões para se aproximar dos municípios, mostra que ele está empenhado em garantir uma saúde de qualidade para os cearenses”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jequié - BA Atualizado às 14h07 - Fonte: ClimaTempo
27°
Pancada de chuva

Mín. 17° Máx. 30°

Seg °C °C
Ter °C °C
Qua °C °C
Qui °C °C
Sex °C °C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias