Terça, 30 de Novembro de 2021
27°

Pancada de chuva

Jequié - BA

Geral Mato Grosso

Unidades penais de Cuiabá e Sinop reforçam segurança com drone

Com mais esta turma, somam 60 profissionais qualificados em Cuiabá e Sinop

26/10/2021 às 11h20
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso
Compartilhe:
Conclusão do curso de pilotagem de drone em Sinop - Foto por: SAAP-MT
Conclusão do curso de pilotagem de drone em Sinop - Foto por: SAAP-MT

Mais uma turma de policiais penais concluiu o curso de Operação de Aeronave Remotamente Pilotada – Drone, dessa vez no interior do estado. O último grupo capacitado foi dos policiais da Penitenciária de Sinop (490 km de Cuiabá). Ao todo, 15 agentes penais envolvidos diretamente com a rotina de rondas e vigilância participaram do curso.

Até o momento 60 servidores, entre policiais penais e civis de Cuiabá e Sinop, já participaram do curso. Eles aprenderam desde a legislação do espaço aéreo, técnicas de manutenção até voo e pilotagem de drone.

Os primeiros agentes a integrarem o curso foram os policiais penais da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá. Outra unidade que deve ser atendida pela qualificação será dos policiais penais da Penitenciária de Rondonópolis, Mata Grande.

O treinamento está sendo realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) e deve atender as maiores unidades do estado para auxiliar na identificação de atos suspeitos em torno das unidades. 

Para o diretor do presídio de Sinop, Adalberto Dias de Oliveira, a aeronave será um grande auxiliar da segurança na unidade. “Com o aparelho, será possível ampliar o espaço de vigilância da unidade a uma área muito maior e que muitas vezes não seria possível ser observada a partir da visão humana”, comemorou o diretor.

Os drones serão utilizados em momentos estratégicos para auxiliar na observação de ações suspeitas ao redor do presídio. De maneira geral, os equipamentos poderão facilitar a identificação de tentativas suspeitas de aproximação na unidade e até mesmo possíveis fugas e resgate de detentos.

Com os aparelhos, também será possível identificar tentativas de transporte de ilícitos por meio de drones, antes mesmo que a aeronave avance o perímetro interno do presídio. “Com esses aparelhos, podemos chegar a uma distância muito maior, identificar o piloto com maior rapidez e até mesmo fazer prisão do suspeito”, disse o diretor.

Para a vigilância aérea, a penitenciária possui à disposição dos policiais três aeronaves remotamente pilotadas. Uma delas é fruto da apreensão durante uma tentativa frustrada de transporte de drogas e celulares para o interior da unidade ocorrida em 2019. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jequié - BA Atualizado às 14h07 - Fonte: ClimaTempo
27°
Pancada de chuva

Mín. 17° Máx. 30°

Qua °C °C
Qui °C °C
Sex °C °C
Sáb °C °C
Dom °C °C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias